Energia Eolica

Janeiro 27 2012

Água DoceSão Paulo - A argentina Impsa fechou um acordo com o governo do Rio Grande do Sul para instalar naquele estado mais uma fábrica de aerogeradores. O investimento previsto na nova planta industrial, que será erguida na Região Sul, está estimado entre R$ 100 milhões e R$ 150 milhões e a produção dos equipamentos deverá ser iniciada no ano que vem. A planta fornecerá os mesmos equipamentos que a Impsa já fabrica em Suape, em Pernambuco, e atenderá a demanda nacional com um projeto da Eletrobras /Eletrosul comercializado no leilão A-3 de agosto de 2011; ainda, exportará para o Uruguai e até mesmo para a Argentina.

De acordo com o vice-presidente da companhia no Brasil, José Luiz Menghini, essa fábrica atende a demanda do Cone Sul e elevará a capacidade da empresa em cerca de 200 megawatts (MW) ao ano. Outra vantagem que a nova planta trará à empresa é a de reduzir os custos com logística, pois os projetos que utilizam os equipamentos da Impsa no sul do Brasil recebiam a produção de Pernambuco. 

O avanço da economia brasileira vem exigindo um aumento dos investimentos em geração de energia, tanto de fontes tradicionais, como a hidroelétrica, como daquela proveniente de fontes renováveis. Desde 2009, os leilões já contrataram 7,2 gigawatts (GW) de energia eólica, o que deve resultar em um aporte de R$ 28 bilhões até 2014, segundo dados da Associação Brasileira de Energia Eólica (Abeeólica).

fonte:http://www.dci.com.br/I

publicado por adm às 23:34

pesquisar
 
links