Energia Eolica

Setembro 12 2012

Com os preços dos combustíveis fósseis em alta, uma equipa de investigadores norte-americanos acredita que a energia eólica seria capaz de satisfazer mais de metade da necessidade mundial de energia nas próximas décadas.

Num estudo publicado na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS), Mark Jacobson, da Universidad de Stanford, e Cristina Archer, da Universidad de Delaware, desenvolvem um modelo teórico em três dimensões da atmosfera para calcular a quantidade de energia eólica que se poderia gerar em 2030 se os governos fizessem essa aposta. Concluem que esta fonte renovável poderia satisfazer grande parte da procura sem produzir impacto ambiental significativo.

Segundo os seus cálculos, embora exista um limite na quantidade de energia que pode ser gerada a partir do vento, o seu potencial supera largamente as necessidade de consumo.

"Das principais fontes energéticas que podem abastecer o planeta, apenas a eólica e a solar se bastam a si próprias. A geração de energia a partir do Sol não desgasta a fonte. No entanto, alguns [investigadores] argumentam que gerar energia eólica poderia afetar a velocidade do vento. Queremos provar esta hipótese", explicou ao El Mundo Mark Jacobson.

Estes investigadores concluíram que, embora cada turbina reduza a quantidade de energia disponível para outras, estes efeitos negativos só teriam significado se se instalasse um grande número de turbinas, muito superior ao necessário.

fonte:http://sicnoticias.sapo.pt/

publicado por adm às 22:57

pesquisar
 
links