Energia Eolica

Outubro 04 2010

 

O ano de 2010 vai chegar ao final com 40.000MW em novos parques eólicos instalados em todo o mundo. Com essas usinas recém construídas, a potência global da fonte vai chegar a 200GW. A previsão é do Conselho Mundial de Energia Eólica (GWEC, na sigla em inglês), que prepara um documento com os dados relativos à energia gerada através do vento neste ano e previsões para o futuro.

O Wind Energy Outloog 2010 será apresentado na segunda semana de outubro em Beijing, na China, durante uma conferência mundial para debater o horizonte para a geração eólica.

O secretário geral do GWEC, Steve Sawyer, destaca que as usinas da fonte seguem como "um mercado em crescimento, que está aguentando a crise econômica muito melhor do que os analistas haviam previsto".

O executivo, porém, destaca que o bom desempenho do mercado não é comum a todos os países. Nos Estados Unidos a tendência é de desaceleração, devido ao baixo nível de pedidos realizados durante o ápice da crise financeira. Ao mesmo tempo, Sawyer espera que essa queda seja compensada pela China, que apresentou um crescimento forte na área nos últimos anos.

A expectativa do secretário é de que a geração de energia através do vento apresente uma expansão de 100% nos próximos quatro anos. Com isso, a capacidade instalada no mundo chegaria a 400GW em 2014. "Esse crescimento será liderado por China, Estados Unidos e Europa", aponta Sawyer.

O executivo do GWEC ainda ressalta que "novos países estão entrando no mapa-mundi eólico". Entre as novas potências do mercado, Sawyer aponta especialmente países latino americanos "incluídos aí Brasil, México, e Chile", e o continente africano. "Aproximadamente metade do novo crescimento atual está acontecendo nas economias emergentes e nos países em desenvolvimento", assinala.

fonte:jornaldaenergia

publicado por adm às 20:50

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



pesquisar
 
links
subscrever feeds