Energia Eolica

Maio 30 2011

A Sinovel Wind Group Co., maior fabricante de gerador de energia eólica da China, apresentou sua turbina eólica de 6 megawatts desenvolvida independentemente pelo país, que pode ser utilizada em usinas em terra, em alto-mar e em zonas entre marés, anunciou nesta segunda-feira Tao Gang, vice-presidente da companhia.

É a primeira deste tipo produzida no país. Até a China concluir a produção de sua turbina, a Alemanha era o único país que havia desenvolvido independentemente a turbina, a maior do mundo em termos de capacidade, e também é o único país que realizou o teste do modelo em ambiente natural.

Com lâminas de 128 metros de diâmetro, o modelo tem uma maior capacidade de captura do vento e é mais eficaz na utilização de recursos eólicos que outras turbinas, declarou Tao.

Ele disse que a produção local da turbina acelerará o desenvolvimento de energia eólica no mar na China.

Considerando a crescente escassez de recursos terrestres e metas de redução de emissões, os países europeus e os Estados Unidos estão promovendo o desenvolvimento da energia eólica no mar.

Ao longo da próxima década, a Grã-Bretanha e a França planejam instalar 7,6 mil turbinas eólicas no mar, cada unidade com uma capacidade de mais de 5 megawatts.

A China também está se dedicando à exploração nesta área. Sua primeira usina eólica no mar de 100 megawatts entrou em operação em Shanghai em agosto de 2010, com 34 turbinas de 3 megawatts instaladas, todas fabricadas pela Sinovel.

No mesmo ano, o país concluiu o concurso público para usinas eólicas no mar totalizando 1 gigawatts em capacidade na Província de Jiangsu, leste do país. A construção das usinas eólicas começará este ano.

A Sinovel pretende desenvolver turbinas de 10 megawatts, revelou Tao.

Até o final de 2010, a capacidade instalada cumulativa nacional de energia eólica somou 44,7 gigawatts, a maior no mundo, representando 23% do total mundial, segundo dados da Comissão de Energia Eólica da China.

fonte:http://portuguese.cri.cn/

publicado por adm às 22:21

pesquisar
 
links