Energia Eolica

Agosto 19 2011

A Bahia ficou em segundo lugar no ranking do leilão de energia eólica (A-3), encerrado nesta quinta-feira, 18, pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE) do governo federal. O ouro da eletricidade sustentável ficou com o Rio Grande do Sul, que conquistou 21 projetos entre os 78 empreendimentos leiloados.

A Bahia conseguiu 18 deles, o que corresponde a 414,4MW de potência energética. O secretário da Indústria, Comércio e Mineração, James Correia, comentou o leilão:

“Com os resultados de hoje, a Bahia consolida sua vocação para a energia renovável, chegando a 52 projetos eólicos em instalação ou previstos no estado. Quando estiverem funcionando, vão acrescentar cerca de 1.414,4 mil MW à rede elétrica. Além da garantia do suprimento de energia através de uma fonte limpa, a Bahia ganha investimentos importantes no interior, onde justamente o Governo quer investir mais em industrialização e gerar novos empregos”, afirmou Correia.

 As empresas vencedoras no leilão para o estado baiano foram a Renova Energia, que terá nove parques, a Enel Green Power (EGP) com dois empreendimentos e a alemã MAN B&W Energia, com sete projetos. Do Bahia Notícias.

fonte:http://jornaloexpresso.wordpress.com/

publicado por adm às 23:16
Tags:

pesquisar
 
links